Os limões da tequila. A tinta da caneta. As paginas do livro. E o açucar do café!

Seguidores

O jardim do éden é só uma mentira

Presa através dos anos

Entre o pecado e o paraíso

Eu vou estar bem se eu não acreditar

Tomai e comei, este é meu corpo – ele disse

Não é o suficiente

Abaixo do céu você não pode salvar o mundo

Onde esta a porta do paraíso

Para os desafortunados que sempre te carregaram como um herói

Quando o inferno é o mais perto que eles podem chegar

Eu vou estar bem se eu não acreditar

Tão longe onde os gritos não são ouvidos

Você pode ver?

Depositando toda fé em suas mãos

Eles mereciam tê-la recompensada

Enquanto esperam na chuva

Abraçados a esperança para fazer dela um lar

Eu vou estar bem se eu não acreditar

O fim dos dias já havia começado

Então guerrearam em seu nome

É só uma procissão cega

Eles engolem a dor como prato principal

Mesas vazias com uma imagem no centro

Força suficiente pra celebrar seu nascimento

Hoje é natal


Imobiliarias
Contador grátis

3 Vomite suas palavras aqui :D:

Felipe Braga disse...

éé...
E agora, quem irá salvar da dor?
Por isso temos que ser fortes. Psicologicamente fortes.
Belo texto, parabéns, mais uma vez.

Moll Fry disse...

adorei seu texto, e seu blog... estou começando o meu, então toda ajuda é bem vinda... beijos

Ana (: disse...

AAAH! Você é de sagitário tb! *--*
deve ser coisa do signo escrever tão bem (nem me acho hauhaua)
MAAS AAH! Eu amo Edgar Allan Poe *O*
Gostaa então? Meu Deus! Do meu signo, gosta de Poe, só falta me dizer que é vegetariana e curte The Donnas (sonhei um pouquinho? kkkk)
Beijãão ;D